JORNAL FOCO SINDICAL

Enem: a busca pela formação universitária é a meta

Se for confirmada a data para o início do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), previsto para o dia 17 de janeiro, quase seis milhões de candidatos iniciarão a disputa pelas vagas oferecidas pelas universidades do país. Na faixa dos 21 aos 30 anos estão 28% dos inscritos e as mulheres são a maioria (60%). As jovens com o perfil de sugar baby integram a categoria. Na plataforma de relacionamentos MeuPatrocínio, a pioneira do relacionamento sugar no Brasil, que concentra mais de três milhões e trezentos mil usuários, as sugar babies representam 66% dos inscritos. E, para 76% delas, a formação universitária é uma meta a ser conquistada ou já cumprida.

Com uma média de 23 anos de idade, a sugar baby deseja ser advogada. As outras carreiras em destaque são administração, enfermagem, pedagogia e medicina. O ranking das universidades é liderado pela Estácio de Sá, seguida pela Universidade Paulista (UNIP), Pontifícia Universidade Católica (PUC) e Anhembi Morumbi. Cerca de 87% frequentam universidades particulares e, com a pandemia, elas sentiram os reflexos da retração da economia. De um momento para o outro, perderam os empregos e a sua fonte de renda. Um dos maiores medos era ter que interromper os estudos, já que maioria está em plena fase de investimento na formação profissional. Em 2019, 23% das babies tinham a sua faculdade bancada por seus daddies. Em 2020, o percentual ultrapassou a faixa dos 40%. Como resultado da forte onda de desemprego e da desaceleração da economia, as jovens perderam as condições de continuar arcando com mensalidades altas dos seus cursos de formação e especialização. É uma condição que, segundo o levantamento realizado pela plataforma, pode ser observada em todo o território nacional, mas está especialmente concentrada nos grandes centros urbanos, nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul. Os mais de 300 mil homens cadastrados no site, com o perfil de um autêntico sugar daddy, passaram a investir ainda mais na formação das suas parceiras, principalmente quando a questão faz parte do acordo alinhado entre eles.

Dentre as vantagens do relacionamento sugar, as babies procuram unir o “útil ao agradável”, buscando alguém que possa contribuir para a continuidade da sua formação educacional e, ao mesmo tempo, vivenciar uma relação transparente e com objetivos alinhados desde o início, prevendo o custeio dos estudos e de cursos de especialização. Tudo acordado entre as partes. Como é o desejo de muitas ter um apoio assim, a plataforma MeuPatrocínio registrou um crescimento da ordem dos 80% no número de usuários desde o início da pandemia. Além de dedicar mais tempo para socializar virtualmente, buscar novos parceiros e aprofundar os relacionamentos já iniciados anteriormente, é o momento perfeito para, com mais liberdade, expor as necessidades reais que passam, inclusive, pelo caminho da formação universitária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *